Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Inclusividade em foco no preparatório ENCCEJA e ENEM
Início do conteúdo da página Notícias

Inclusividade em foco no preparatório ENCCEJA e ENEM

As aulas atenderam pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa em São João dos Patos.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 17/12/2019 14h54
  • última modificação 17/12/2019 15h13

 

Tendo em vista a aplicação do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (ENCCEJA 2019) e o Ensino Nacional de Ensino Médio (ENEM) para pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa, o Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus São João dos Patos formalizou uma parceria com a Assistência Social do sistema prisional, para preparar esse público alvo para estes exames.

O projeto “Preparatório ao ENCCEJA e ENEM para pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa” está alinhado com a missão, visão e valores do IFMA, em desenvolver e apoiar a democratização do acesso ao nível superior, explica a coordenadora e pedagoga do projeto, Ana Cristina. Para ela, “o IFMA tem um papel fundamental na ressocialização das pessoas em privação de liberdade por meio do acesso à educação”.

O corpo docente do Campus São João dos Patos ministrou as aulas preparatórias entre os meses de setembro e dezembro com o intuito de ajudar os cidadãos em situação de cárcere a se prepararem para o ENCCEJA e ENEM 2019. Os testes foram aplicados nos meses de outubro e dezembro do ano de 2019.

Foram ministradas aulas de Geografia (Professor Tiago Sandes), História (Professora Edlayne), Filosofia (Professor Nonato), Sociologia (Professor Hemerson), Matemática (Professor Renato), Língua Portuguesa (Ana Cristina), Química (Professor Iran), Física (Professor Fábio), Espanhol (Professsor Igo) e de Biologia (Professor Jesus).

O preparatório no Campus São João dos Patos também está em sintonia com o que estabelece a Resolução n.º 2, de 19 de maio de 2010, do Conselho Nacional de Educação, que dispõe sobre as Diretrizes Nacionais para a oferta de educação para jovens e adultos e a oferta de educação para jovens e adultos em situação de privação de liberdade nos estabelecimentos penais.

Nesse sentido, o Governo Federal, por intermédio dos Ministérios da Educação e da Justiça, tem a responsabilidade de fomentar políticas públicas de educação em espaços de privação de liberdade, estabelecendo as parcerias necessárias com os Estados, Distrito Federal e Municípios.

 

Fim do conteúdo da página